boo-box

segunda-feira, 31 de maio de 2010

A revolta de Marcelinho Machado

"Que p... é essa?! Vai jogar no Rio e é bem tratado. Isso é sacanagem! Jogou melhor e mereceu ganhar. A gente tomou spray da polícia. Polícia do c...! Olha o estado que o cara ficou! Agora eu quero ver a Liga trabalhar. Eu quero ver!"
Ala Marcelinho Machado, do Flamengo, mostrando toda sua revolta para a repórter Danielle Rocha, do Globoesporte.com, após a confusão ao final da partida contra o Brasília, na final do NBB 2009/10.

Baixaria na final do NBB 2009/10
não pode passar sem punição

As imagens do Sportv, reproduzidas abaixo, são impressionantes. A briga generalizada envolvendo torcedores do Universo/BRB e jogadores do Flamengo, ao final do terceiro jogo da série (o time de Brasília lidera por 2 a 1) é algo que não pode ser admitida, ainda mais em uma competição que tem como seu DNA mudar o basquete brasileiro. Mas o que se viu neste último domingo foram cenas que remetem a tempos nada saudosos da modalidade no Brasil. Não importa quem começou a bagunça. Foi uma vergonha.

O presidente da Liga Nacional de Basquete (LNB), Kouros Monadjeni, prometeu providências. Tomara que não fique apenas nas palavras. E se por acaso o Flamengo ganhar o quarto jogo do playoff final e levar a decisão para o quinto jogo, que ele não aconteça em Brasília. Ou que seja realizado com portões fechados, sei lá. O que não pode é toda esta baixaria ocorrida no Ginásio Nilson Nelson passar em branco.



domingo, 30 de maio de 2010

Tem novos (e bons) livros na área!



A literatura esportiva brasileira anda mesmo em uma fase rica. Em quantidade e qualidade. Duas novas obras serão lançadas nesta segunda-feira. "Os 11 maiores goleiros do futebol brasileiro", de Luís Augusto Símon, o Menon, e "Os 11 maiores centroavantes do futebol brasileiro", de Milton Leite, os novos integrantes da coleção "Os 11 maiores", da Editora Contexto, terão o coquetel de lançamento ocorrendo na Livraria Cultura (Av. Paulistam 2073), a partir das 18h30.

O livro de Menon reúne alguns das grandes goleiros da história da seleção brasileira, mas também aqueles que brilharam sem a camisa amereala, como Raúl, titular do timaço do Flamengo campeão mundial de 1981. Estão lá também Rogério Ceni, Marcos, Barbosa, Leão, Castilho, Taffarel, Dida, Júlio César, Gylmar e Zetti.

A obra de Milton fala daqueles que são responsáveis pela essência do futebol, ou seja, os que marcam gols. E tem centroavante de todos os estilos: Leônidas, Ademir de Menezes, Vavá, Mazzola, Coutinho, Tostão, Reinaldo, Roberto Dinamite, Careca, Romário e Ronaldo.

Dois livros obrigatórios para quem quer conhecer um pouco mais da história do futebol brasileiro.

sábado, 29 de maio de 2010

O baú das Copas (12)


Copa do Mundo da Espanha - 1982

Período de disputa: 13/06 a 11/07/1982
Cidades-sede: Alicante, Bilbao, Barcelona, Elche, Gijón, La Coruña, Madrid, Malaga, Oviedo, Sevilla, Valladolid, Valencia, Vigo e Zaragoza
Estádios utilizados: Balaidos (Vigo), Riazor (La Coruña), El Molinón (Gijon), Carlos Tartiere (Oviedo), Nou Camp (Barcelona), Nuevo Estadio (Elche), José Rico Perez (Alicante), San Mamés (Bilbao), José Zorilla (Valladolid), Luis Casanova (Valencia), La Romereda (Zaragoza), Ramon Sanchez Pizjuan (Sevilla), La Rosaleda (Malaga), Benito Villamarin (Sevilla), Santiago Bernabeu (Madrid), Sarria (Barcelona) e Vicente Calderon (Madrid)
Eliminatórias: 109 seleções inscritas, 105 seleções participantes
Países participantes: 24
Total de jogos: 52
Total de gols marcados: 146
Média de gols: 2,80 gols/jogo

1º gol da Copa: Vandenbergh (Bélgica), aos 62min do jogo Argentina 0 x 1 Bélgica
Último gol da Copa: Breitner (Alemanha Ocidental), aos 83min do jogo Itália 3 x 1 Alemanha Ocidental

Artilheiro: Paolo Rossi (Itália) - 6 gols
Melhor ataque: Brasil - 15 gols
Pior ataque: Camarões e El Salvador - 1 gol

Melhor defesa: Inglaterra e Camarões - 1 gol
Pior defesa: El Salvador - 13 gols
Total de público: 1.856.200 pessoas
Média: 33.967 pessoas/jogo
Jogador mais jovem da Copa: Whiteside (Irlanda do Norte) - 17 anos e 41 dias
Jogador mais velho da Copa: Zoff (Itália) - 40 anos e 133 dias


CLASSIFICAÇÃO FINAL:

  1. Itália
  2. Alemanha Ocidental
  3. Polônia
  4. França
  5. BRASIL
  6. Inglaterra
  7. URSS
  8. Áustria
  9. Irlanda do Norte
  10. Bélgica
  11. Argentina
  12. Espanha
  13. Argélia
  14. Hungria
  15. Escócia
  16. Iugoslávia
  17. Camarões
  18. Honduras
  19. Tchecoslováquia
  20. Peru
  21. Kuwait
  22. Chile
  23. Nova Zelândia
  24. El Salvador

Foto: O goleiro Dino Zoff ergue a Taça Fifa, após recebê-la das mãos do Rei Juan Carlos, da Espanha
Crédito: Fifa.com

O vai-e-vem dos técnicos do Brasileirão

atualizado em 08/11

08/11 - Jorginho é demitido do Goiás, que no mesmo dia anuncia a contratação de Arthur Neto para o seu lugar
08/11 - Adilson Batista é anunciado como novo técnico do Santos
10/10 - Adilson Batista pede demissão do Corinthians
10/10 - Vagner Benazzi é anunciado como novo técnico do Avaí
07/10 - Antônio Lopes é anunciado como novo técnico do Vitória
05/10 - Vanderlei Luxemburgo é anunciado como novo técnico do Flamengo
04/10 - Silas é demitido do Flamengo
04/10 - Sérgio Soares é anunciado como novo técnico do Atlético-PR
03/10 - Paulo César Carpegiani pede demissão do Atlético-PR e é contratado pelo São Paulo
27/09 - Marcelo Rospide pede demissão do Grêmio Prudente
25/09 - Dorival Júnior é anunciado como novo técnico do Atlético-MG
23/09 - Vanderlei Luxemburgo é demitido do Atlético-MG
21/09 - Dorival Júnior é demitido do Santos
20/09 - Antônio Lopes é demitido do Avaí
10/09 - Antônio Carlos Zago é demitido do Grêmio Prudente, que anuncia em seu lugar a contratação de Marcelo Rospide
10/09 - Ricardo Silva é anunciado como técnico interino do Vitória
09/09 - Toninho Cecílio é demitido do Vitória
09/09 - Mario Sérgio é demitido do Ceará
29/08 -  Jorginho é anunciado como novo técnico do Goiás
29/08 - Silas é anunciado como novo técnico do Flamengo
27/08 - Rogério Lourenço é demitido do Flamengo
27/08 - Emerson Leão é demitido do Goiás
17/08 - Antônio Carlos Zago é anunciado como novo técnico do Grêmio Prudente
10/08 - Renato Gaúcho é anunciado como novo técnico do Grêmio
09/08 - Sérgio Baresi é anunciado como técnico interino do São Paulo
09/08 - Toninho Cecíílio pede demissão do Grêmio Prudente e é contratado como novo treinador do Vitória
09/08 - Estevam Soares é demitido do Ceará, que anuncia a contratação de Mário Sérgio para o seu lugar
08/08 - Silas é demitido do Grêmio
06/08 - Ricardo Gomes é demitido do São Paulo
1º/08 - Renê Simões é anunciado como novo técnico do Atlético-GO
30/07 - Roberto Fernandes é demitido do Atlético-GO

25/07 - Adílson Batista é anunciado como novo técnico do Corinthians
24/07 - Mano Menezes pede demissão do Corinthians
03/07 - Antônio Lopes é anunciado como novo técnico do Avaí
1º/07 - Péricles Chamusca pede demissão do Avaí
14/06 - Roberto Fernandes é anunciado como novo técnico do Atlético-GO
13/06 - Estevam Soares é anunciado como novo técnico do Ceará

13/06 - Luiz Felipe Scolari é anunciado como novo técnico do Palmeiras
13/06 - Paulo César Gusmão pede demissão do Ceará e é contratado pelo Vasco

12/06 - Celso Roth pede demissão do Vasco e é contratado pelo Internacional
08/06 - Cuca é contratado como técnico do Cruzeiro
07/06 - Geninho pede demissão do Atlético-GO

02/06 - Adilson Batista anuncia sua saída do Cruzeiro
28/05 - Jorge Fossati é demitido do Internacional
31/05 - Paulo César Carpegiani é contratado como técnico do Atlético-PR
25/05 - Leandro Niehies é demitido do Atlético-PR, mas permanecerá no comando da equipe até que a diretoria contrate um novo treinador
19/05 - Celso Roth é contratado como técnico do Vasco
19/05 - Antônio Carlos Zago é demitido do Palmeiras

sexta-feira, 28 de maio de 2010

NBB 2009/10: o dia de fúria de Mineiro

O fato ocorreu já última quarta-feira, mas ainda vale o registro. Simplesmente inacreditável o acesso de fúria que o pivô Mineiro teve durante um treino do Universo/BRB, ameaçando inclusive agredir o técnico Lula. O sujeito saiu de quadra xingando todos os companheiros, chamando-os de "amarelões" e ainda discutiu com o diretor do clube, Jorge Bastos. Resultado: o jogador teve seu contrato rescindido imediatamente. Tudo isso às vésperas do segundo jogo da decisão do NBB 2009/10, diante do Flamengo, nesta sexta-feira.

“Aqui todo mundo é machão. Lá no Rio todo mundo apanhou calado”, disse Mineiro, que depois disparou contra Lula. "Você já me f... na semifinal e vai me f... de novo”. Para Jorge Bastos, ele disse o seguinte: “Larga de ser duas caras. Você é um cara-dura. Você sabe quem é o câncer deste time. Não sou eu. Você fez uma reunião e disse que ele é o problema”, gritou Mineiro, acusando o dirigente de conspirar contra o técnico Lula.

Mineiro sempre foi um verdadeiro "fio desencapado", tendo uma coleção de problemas dentro de quadra, com brigas contra adversários, policiais e desentendimentos com integrantes da comissão técnica. Ou seja, o cara é desequilibrado.

Mas sabe-se também que a convivência dentro do grupo do Universo não é das mais tranquilas, especialmente com o ala e capitão Alex, que também possuí um temperamento complicado.

Tudo isso somado faz com que o Flamengo caminhe firme rumo à conquista de mais um título nacional.

Foto: Mineiro (no centro) discute com o técnico Lula

Crédito: Correio Braziliense

As cascas de banana de Magnano

Coluna Diário Esportivo, publicada na edição de 28 de maio do Diário de S. Paulo

Nada surpreendente a lista de convocados da seleção brasileira masculina de basquete, divulgada ontem pelo técnico argentino Rubén Magnano. Assim como Dunga não causou nenhum espanto ao anunciar os 23 nomes do time que brigará pelo hexacampeonato na Copa do Mundo da África do Sul, a relação dos atletas chamados por Magnano para o Sul-Americano da Colômbia e para o Mundial da Turquia seguiu a lógica.

Mas (sempre tem um mas...), entre os 24 jogadores que Magnano escolheu o Sul-Americano, de 26 e 31 de julho, existem dois que podem ser classificados como “apostas de risco”: o armador Nezinho, do Universo/BRB, e o ala Marquinhos, do Sutor Montegranaro, da Itália.

Para aqueles que têm memória curta, os dois protagonizaram os momentos mais lamentáveis da história recente do basquete masculino brasileiro, durante o Pré-Olímpico das Américas de Las Vegas, em 2007. Marquinhos é aquele que ao chegar ao Brasil, após ter sido cortado por contusão, disse cobras e lagartos, criticando especialmente o técnico Lula Ferreira. Já Nezinho deixou o treinador com cara de tacho, ao se recusar a entrar em quadra nos minutos finais do jogo contra o Uruguai, como forma de protesto por não estar sendo aproveitado.

É óbvio que estas duas cascas de banana não serão os astros do time de Magnano. Para isso, ele se apoia em Nenê, Leandrinho, Varejão, Thiago Splitter, Huertas, Guilherme e Alex. Ainda bem. E que Marquinhos e Nezinho saibam aproveitar esta chance, pois pode ser a última.

A coluna Diário Esportivo, assinada por este blogueiro, será interrompida durante a Copa do Mundo e voltará a ser publicada no Diário de S. Paulo no dia 16 de julho

Foto: Nezinho (à esquerda), do Universo/BRB, recebeu uma nova chance na seleção brasileira

quinta-feira, 27 de maio de 2010

A Copa do Mundo é nossa (6)

“Solicitei informações à FIFA sobre a organização da Copa do Mundo de 2014 somente porque o sr. Ricardo Teixeira, como presidente da CBF, negou-as ao Congresso Nacional. Vários foram os pedidos formulados por Comissões Técnicas da Câmara dos Deputados, nestes dois últimos anos e meio. Ele nem sequer se dispôs a respondê-los. O presidente da CBF só desrespeitou o Congresso. Certamente sua vinda hoje à Câmara seja já em atendimento a uma recomendação da FIFA”

Deputado federal Silvio Torres (PSDB-SP), comentando a atitude de Ricardo Teixeira, presidente da CBF, em audiência pública na Comissão de Turismo e Desporto da Câmara dos Deputados nesta quarta-feira

GP da Turquia de Fórmula 1:
conheça o circuito de Istanbul Park

Circuito de Istanbul
Traçado:
5.338m
Número de voltas: 58 (309,396 km)
Número de curvas: 14 (8 para a esquerda, 6 para a direita)
Velocidade máxima alcançada: 320 km/h
Recorde de volta mais rápida: Juan-Pablo Montoya (McLaren) - 1min24s770 (2005)
Recorde de pole position: Kimi Raikkonen (McLaren) - 1min26s797 (2005)
Pole em 2009: Sebastian Vettel (Red Bull) - 1min28s316
Pódio em 2007: 1º) Jenson Button (Brawn GP/ING); 2º) Mark Webber (Red Bull/AUT); 3º) Sebastian Vettel(Red Bull/ALE))

quarta-feira, 26 de maio de 2010

As dançarinas da NBA 2009/10 (especial playoffs): Meghan, do Boston Celtics





Meghan, nascida em Lowell (Massachusetts), que se pudesse escolher alguém para sair pra jantar seria com o tenista suíço Roger Federer e tem como principal objetivo de vida comprar sua primeira casa, é integrante das Celtic Dancers, as dançarinas do Boston Celtics.

Esta seção, que reúne as mais belas cheerleaders da NBA, é publicada às quartas-feiras

terça-feira, 25 de maio de 2010

A numeração oficial da
Argentina para a Copa-2010

1 - Pozo
2 - Demichelis
3 - Clemente Rodríguez
4 - Burdisso
5 - Bolatti
6 - Heinze
7 - Di María
8 - Verón
9 - Higuaín
10 - Messi
11 - Tévez
12 - Romero
13 - Samuel
14 - Mascherano
15 - Otamendi
16 - Agüero
17 - Gutiérrez
18 - Palermo
19 - Diego Milito
20 - Maxi Rodríguez
21 - Garcé
22 - Pastore
23 - Andújar

A numeração oficial da França
para a Copa-2010

1 - Lloris
2 - Sagna
3 - Abidal
4 - Réveillère
5 - Gallas
6 - Planus
7 - Ribéry
8 - Gourcuff
9 - Djibril Cissé
10 - Govou
11 - Gignac
12 - Henry
13 - Evra
14 - Toulalan
15 - Malouda
16 - Mandanda
17 - Squillaci
18 - Alou Diarra
19 - Diaby
20 - Valbuena
21 - Anelka
22 - Clichy
23 - Carrasso

segunda-feira, 24 de maio de 2010

A numeração oficial da
Espanha para a Copa-2010

1. Iker Casillas
2. Pedro Rodríguez
3. Gérard Piqué
4. Carlos Marchena
5. Carles Puyol
6. Andrés Iniesta
7. David Villa
8. Xavi Hernández
9. Fernando Torres
10. Cesc Fábregas
11. Joan Capdevila
12. Víctor Valdés
13. Juan Mata
14. Xabi Alonso
15. Sergio Ramos
16. Sergio Busquets
17. Álvaro Arbeloa
18. Raúl Albiol
19. Fernando Llorente
20. Javi Martínez
21. David Silva
22. Jesús Navas
23. José Manuel Reina

O baú das Copas (11)


Copa do Mundo da Argentina - 1978

Período de disputa: 1º a 25/06/78
Cidades-sede: Buenos Aires, Córdoba, Mar del Plata, Mendoza e Rosário
Estádios utilizados: Monumental de Nuñez (Buenos Aires), Estádio José María Minella (Mar del Plata), Gigante de Arroyito (Rosário), Estádio Olímpico (Córdoba), Estádio José Amalfitani (Buenos Aires), Estádio San Martin (Mendoza)
Eliminatórias: 106 seleções inscritas, 96 seleções participantes
Países classificados: 14
Total de jogos: 38
Total de gols marcados: 102
Média de gols: 2,68 gols/jogo

1º gol da Copa: Lacombe (França), aos 38seg do jogo Itália 2 x 1 França
Último gol da Copa: Bertoni (Argentina), aos 115min do jogo Argentina 3 x 1 Holanda

Artilheiro: Kempes (Argentina) - 6 gols
Melhor ataque: Argentina e Holanda - 15 gols
Pior ataque: Suécia - 1 gol

Melhor defesa: Tunísia e Espanha - 2 gols
Pior defesa: Peru - 15 gols
Total de público: 1.610.200 pessoas
Média: 42.374 pessoas/jogo
Jogador mais jovem da Copa: Iwan (Polônia) - 19 anos e 206 dias
Jogador mais velho da Copa: Jongbloed (Holanda) - 37 anos e 212 dias


CLASSIFICAÇÃO FINAL:
  1. Argentina
  2. Holanda
  3. BRASIL
  4. Itália
  5. Polônia
  6. Alemanha Ocidental
  7. Áustria
  8. Peru
  9. Tunísia
  10. Espanha
  11. Escócia
  12. França
  13. Suécia
  14. Irã
  15. Hungria
  16. México

Foto: O atacante Mario Kempes corre para comemorar um de seus gols na final da Copa do Mundo de 1978, quando a Argentina bateu a Holanda por 3 a 1
Crédito: Fifa.com

domingo, 23 de maio de 2010

Basquete brasileiro perde
mais uma para a Argentina

De pouco adiantou o Rio de Janeiro conquistar o direito de ser a sede dos Jogos Olímpicos de 2016, pelo menos na opinião da Fiba (Federação Internacional de Basquete). No sábado à noite, a Fiba Américas, responsável pela organização da modalidade no continente, anunciou que Mar del Plata será a sede do Pré-Olímpico das Américas, torneio que qualificará as equipes para as Olimpíadas de Londres, em 2012.

Algumas razões explicam o sucesso dos argentinos e o consequente fracasso dos brasileiros: o maior prestígio da Argentina no cenário internacional (o país foi campeão olímpico em 2004 e medalha de bronze em 2008) e a falta de maior apoio financeiro na proposta brasileira. "Os três países (obs: o Canadá também se candidatou e foi eliminado na primeira votação) vieram preparados para vencer, fizeram apresentações excelentes e estavam prontos para sediar o evento. A Argentina fez uma boa proposta econômica e estou feliz com o resultado”, disse o secretário geral da Fiba Américas, Alberto García.

O resultado final da votação mostra bem a vantagem dos argentinos na disputa: 13 a 3 para os hermanos.

O Brasil não sabe o que é se classificar para o torneio olímpico masculino de basquete desde as Olimpíadas de Atlanta, em 1996.

sábado, 22 de maio de 2010

A camisa que a seleção do México irá usar no jogo de abertura da Copa do Mundo

Conhecida internacionalmente por jogar com a camisa verde, a seleção do México estará de roupa nova na partida de abertura da Copa do Mundo de 2010. Como a África do Sul também usa a cor verde em seu primeiro uniforme, os mexicanos terão que usar a camisa reserva. Só que ao contrário da camisa branca - já usada em ocasiões semelhantes -, desta vez será usada uma incomum camisa preta.

Na verdade, o México entrará em campo no dia 11 de junho contra os sul-africanos totalmente vestido de preto: camisa, calção e meias. É uma espécie de "revival", pois os mexicanos também usavam este uniforme durante suas primeiras participações em Copas.

Lançamento imperdível!


Para entrar de vez no clima da Copa 2010, um livro obrigatório. Os jornalistas Luís Augusto Símon e Rubens Leme da Costa, os meus amigos Menon e Rubão, prepararam uma obra imperdível para entender um pouco da história do evento mais importante do esporte mundial.

Como diz o texto do release do lançamento do livro, de 500 páginas, a obra tem um enfoque tão simples como original para contar a história das Copas do Mundo: é baseado na história dos homens que conseguiram a maior conquista possível para um jogador de futebol.

Por isso, o livro contém o perfil de todos os campeões, mesmo daqueles que não entraram em campo. Estão ali desde obscuros reservas do Uruguai de 1930, nomes desconhecidos como Riolfo, Calvo e Melogno até Buffon, Pirlo e outros campeões italianos de 2006. Todos eles com uma ficha completa, com o número de jogos e gols na carreira e no Mundial.

Quem ganhou três Copas, mereceu três perfis. Aqui está o garoto Pelé de 1958, o caçado Pelé de 1962 e o grande Pelé de 1970. Aqui está o Zagallo jogador de 1958 e 1962 e o Zagallo técnico de 1970.

Além dos campeões, o livro tem o perfil do melhor jogador e de destaques de cada Copa, o que permite a presença de gênios que não ganharam, como Fausto e Puskas.

O capítulo final, para enfatizar o enfoque do livro em heróis que o mundo venera, tem o depoimento de 28 campeões. Gente como Didi, Parreira, Zagallo, Nílton Santos, Raí, Maspoli, Ghiggia e Schiaffino.

É um livro de pesquisador, mas também um livro de reportagem.

O lançamento será nesta próxima segunda-feira, às 19h30, na Livraria Cultura do Shopping Bourbon (Rua Turiassu, 2100)

sexta-feira, 21 de maio de 2010

Um MVP para impor respeito

Coluna Diário Esportivo, publicada na edição de 21 de maio do Diário de S. Paulo

Pelo jeito, os ventos estão soprando a favor da seleção brasileira masculina de basquete. Há pouco mais de três meses do início da principal competição do ano para a modalidade, o Mundial da Turquia, um dos craques da equipe comandada pelo argentino Rubén Magnano chegará com moral bem elevado. O pivô Tiago Splitter acaba de ser eleito o MVP (Jogador Mais Valioso) da temporada regular do Campeonato Espanhol, onde defende o Caja Laboral. Trata-se de um feito notável. Depois da milionária e badalada NBA, a liga espanhola é o campeonato de basquete mais importante do mundo.

O prêmio serviu também para Tiago Splitter reforçar a imagem de jogador consistente e talentoso que vem construindo nos últimos anos. A ponto inclusive de fazer com que o San Antonio Spurs, que escolheu o jogador brasileiro no draft da NBA em 2007, sonhe em contar com ele na próxima temporada, conforme revelou o DIÁRIO nesta última quinta-feira, em reportagem de José Eduardo Martins.

Tudo isso somado acaba indiretamente beneficiando a seleção brasileira. Primeiro, porque não é toda hora que se pode contar com um MVP do Campeonato Espanhol em seu time titular para impor respeito. Depois, a boa fase dos jogadores que atuam na NBA também aumenta o otimismo. Nenê Hilário e Ânderson Varejão fizeram um belo campeonato, enquanto Leandrinho ainda disputa os playoffs com o Phoenix Suns, com chance de título. Definitivamente, Rubén Magnano é um cara de sorte.

Foto: Splitter em açõa contra o Panamá, pelo Pré-Mundial de 2009
Crédito: Divulgação/Fiba Américas

A coluna Diário Esportivo, assinada por este blogueiro, é publicada às sextas-feiras no Diário de S. Paulo

quinta-feira, 20 de maio de 2010

Conheça os estranhos mascotes
das Olimpíadas de Londres

Foram divulgados nesta última quarta-feira os mascotes oficiais para os Jogos Olímpicos de Londres, em 2012. E seguindo uma tendência das últimas edições olímpicas, mais uma vez teremos a principal competição poliesportiva mundial com estranhos símbolos.

Os cíclopes (!!!) Wenlock, (para os Jogos Olímpicos), e Mandeville (dos Jogos Paraolímpicos),batizados com o nome de duas pequenas cidades inglesas, foram criados baseados em um conto infantil escrito por Michael Morpurgo. O grande objetivo dos organizadores é que eles consigam interagir com as crianças.

Durante a apresentação, foi mostrado um vídeo em que Wenlock e Mandeville imitavam atletas como o jamaicano Usain Bolt e o boxeador britânico Amir Khan.

A expectativa é que os dois esquisitos mascotes consigam cair no gosto popular. Quando a logomarca dos Jogos foi divulgada, em 2007, sobraram críticas.

São Paulo é o rei das semifinais
na história da Taça Libertadores

O futebol apresentado nesta temporada pode não ser lá nenhuma maravilha. Mas quando o assunto é Taça Libertadores, parece que alguma coisa muda lá pelos lados do Morumbi.

Nesta quarta-feira, ao despachar o Cruzeiro com surpreendente facilidade (e também com uma bela ajuda do desmiolado atacante Kleber Gladiador), o Tricolor alcançou as semifinais do torneio continental pela nona vez. Nenhum clube brasileiro repetiu tal façanha na história do torneio.

Mesmo que Internacional e Flamengo ratifiquem suas vagas nesta quinta-feira, nem chegarão perto. O clube que mais se aproxima do São Paulo é o Grêmio, que chegou à semifinal em sete oportunidades.

Abaixo, os clubes brasileiros que já foram semifinalistas na Libertadores:

São Paulo – 9 (1972, 1974, 1992, 1993, 1994, 2004, 2005, 2006 e 2010)

Grêmio – 7 (1983, 1984, 1995, 1996, 2002, 2007 e 2009)

Cruzeiro – 6 (1967, 1975, 1976, 1977, 1997 e 2009)

Palmeiras – 6 (1961, 1968, 1971, 1999, 2000 e 2001)

Santos – 6 (1962, 1963, 1964, 1965, 2003 e 2007)

Internacional – 4 (1977, 1980, 1989 e 2006)

Flamengo – 3 (1981, 1982 e 1984)

Botafogo – 2 (1963 e 1973)

Corinthians – 1 (2000)

Vasco – 1 (1998)

Atlético-MG – 1 (1978)

Atlético-PR – 1 (2005)

Fluminense – 1 (2008)

Guarani – 1 (1979)

São Caetano – 1 (2002)

Foto: Jogadores do São Paulo saúdam a torcida após derrotar o Cruzeiro e passar para as semifinais da Libertadores 2010
Crédito: Rubens Chiri/Divulgação

quarta-feira, 19 de maio de 2010

As dançarinas da NBA 2009/10 (30):
Nina, do Washington Wizards



Nina, nascida em Spring (Texas), trabalha como assistente executiva, tem descendência cubana (embora não fale uma palavra em espanhol), adora acompanhar as partidas da NFL no Monday Night Football e que adora escutar as músicas de Britney Spears, integra há duas temporadas o elenco das Wizard Girls, as dançarinas do Washington Wizards.
Esta seção, que reúne as mais belas cheerleaders da NBA, é publicada às quartas-feiras

Será que está bom o clima no Verdão?

"Há pessoas que trabalham no clube e que ficam vazando informações e inventando notícias para desestabilizar o trabalho que está sendo feito. Outros treinadores de renome passaram recentemente pelo Palmeiras e sofreram pelo mesmo motivo. Não sou a primeira vítima desta briga política, mas sinceramente espero ser o último"

Antônio Carlos Zago, ex-técnico do Palmeiras, em comunicado divulgado por sua assessoria de imprensa, explicando - em sua opinião, é claro - os motivos de sua demissão

E eis que está de volta a dança
dos técnicos do Brasileirão

E a agitada terça-feira futebolística trouxe de volta um dos posts mais repetitivos, porém divertidos, para este blogueiro: a lista do vai-e-vem dos técnicos do Campeonato Brasileiro.

E os dois primeiros degolados acabaram dançando por motivos distintos. No Vasco da Gama, o ex-interino Gaúcho retornou à condição de auxiliar técnico, enquanto Celso Roth assumiu o comando da equipe. Já no Palmeiras, a saída turbulenta de Antônio Carlos aumentou a crise no Verdão, especialmente pela forma com a qual o treinador foi dispensado: após uma discussão com o atacante Robert, que ao lado de outros jogadores retornava de uma balada no Rio, onde o Palmeiras enfrentiu justamente o Vasco.

Crédito da foto: Cesar Greco/Ag. Palmeiras

terça-feira, 18 de maio de 2010

Ronaldo fuma cachimbo da paz
atrasado com Ricardo Teixeira

"Acabei de fazer as pazes com uma pessoa muito importante e presente na minha vida! Obrigado, Ricardo Teixeira"

Ronaldo, atacante do Corinthians, relatando em seu twitter que voltou a se entender com o presidente da CBF, Ricardo Teixeira, durante a festa dos 30 anos da Traffic. O engraçado é que Ronaldo, não faz muito tempo, chegou a dizer que Teixeira era uma pessoa de "duplo caráter". Se tivesse feito as pazes antes com o cartola, será que o Fenômeno teria controlado mais a boca e hoje estaria arrumando as malas para a África do Sul disputar a Copa do Mundo de 2010?

segunda-feira, 17 de maio de 2010

As frases dos ônibus da Copa-2010

A Fifa anunciou as frases dos ônibus que transportarão as 32 seleções durante a Copa da África do Sul. Algumas, como a do Brasil, são bem legais ("Lotado! O Brasil inteiro está aqui"). Outras, como bem disse o amigo Luiz Augusto Lima, são de uma falta de graça absoluta. Como o slogan da Suíça: "Vamos, Suíça!"

África do Sul: Uma nação unida e orgulhosa sob um arco-íris
Alemanha: No caminho de ganhar a Copa!
Argélia: Estrela e crescente com um objetivo: Vitória!
Argentina: Última parada, a glória
Austrália: Ouse sonhar, avance Austrália
Brasil: Lotado! O Brasil inteiro está aqui dentro!
Camarões: Os leões indomáveis estão de volta
Chile: Vermelho é o sangue do meu coração, Chile campeão
Coreia do Norte: 1966 de novo! Vitória para a Coreia!
Coreia do Sul: Os gritos dos vermelhos, República da Coreia Unida!
Costa do Marfim: Elefantes, vamos lutar pela vitória!
Dinamarca: Tudo de que você precisa é um time dinamarquês e um sonho
Eslováquia: Balance o campo verde: Vá Eslováquia!
Eslovênia: Com 11 corações valentes até o fim
Espanha: Esperança é o meu caminho. Vitória, meu destino
Estados Unidos: Vida, liberdade e a busca pela vitória!
França: Todos juntos por um novo sonho em azul
Gana: A esperança da África
Grécia: A Grécia está em todos os lugares
Holanda: Não tema os 5 grandes, tema os 11 laranjas
Honduras: Um país, uma paixão e 5 estrelas no coração
Inglaterra: Jogando com orgulho e glória
Itália: O nosso azul no céu da África
Japão: O espírito samurai nunca morre! Vitória para o Japão!
México: É tempo de um novo campeão!
Nigéria: Super Águias e super fãs unidos, nós acreditamos
Nova Zelândia: Chutando no estilo Kiwi
Paraguai: O leão guarani ruge na África do Sul
Portugal: Um sonho, uma ambição... Portugal campeão!
Sérvia: Jogando com o coração, andando com um sorriso!
Suíça: Vamos, Suíça!
Uruguai: O sol brilha sobre nós! Vamos, Uruguai

Cadê o bom humor, Neymar?

"Vem aqui e joga no meu lugar"

Neymar, atacante do Santos, respondendo, irritado, a um torcedor na Vila Belmiro neste domingo, durante o empate com o Ceará por 1 a 1, pelo Brasileirão, após ser cobrado por falta de objetividade dentro de campo.

domingo, 16 de maio de 2010

O baú das Copas (10)


Copa do Mundo da Alemanha - 1974

Período de disputa: 13/06 a 07/07/1974
Cidades-sede: Berlim Ocidental, Dusseldorf, Dortmund, Frankfurt, Gelsenkirchen, Hamburgo, Hannover, Munique e Stuttgart
Estádios utilizados: Olympiastadion (Berlim Ocidental), Volksparkstadion (Hamburgo), Waldstadion (Frankfurt), Parkstadion (Gelsenkirchen), Niedersachsenstadion (Hannover), Westfalenstadion (Dortmund), Rheinstadion (Dusseldorf), Olympiastadion (Munique), Neckarstadion (Stuttgart)
Eliminatórias: 99 seleções inscritas, 92 seleções participantes
Países classificados: 14
Total de jogos: 38
Total de gols marcados: 97
Média de gols: 2,55 gols/jogo

1º gol da Copa: Breitner (Alemanha Ocidental), aos 18min do jogo Alemanha Ocidental 1 x 0 Chile
Último gol da Copa: Mueller (Alemanha Ocidental), aos 43min do jogo Holanda 1 x 2 Alemanha Ocidental

Artilheiro: Lato (Polônia) - 7 gols
Melhor ataque: Polônia - 16 gols
Pior ataque: Zaire - 0 gol

Melhor defesa: Escócia - 1 gol
Pior defesa: Haiti e Zaire - 14 gols
Total de público: 1.774.000 pessoas
Média: 46.684 pessoas/jogo
Jogador mais jovem da Copa: Petrovic (Iugoslávia) - 18 anos e 364 dias
Jogador mais velho da Copa: Burgnich (Itália) - 35 anos e 59 dias


CLASSIFICAÇÃO FINAL:

  1. Alemanha Ocidental
  2. Holanda
  3. Polônia
  4. BRASIL
  5. Suécia
  6. Alemanha Oriental
  7. Iugoslávia
  8. Argentina
  9. Escócia
  10. Itália
  11. Chile
  12. Bulgária
  13. Uruguai
  14. Austrália
  15. Haiti
  16. Zaire

Foto: Sob o olhar do goleiro Maier, o capitão alemão Beckenbauer ergue a Taça Fifa, após a conquista da Alemanha Ocidental na Copa do Mundo de 1974
Crédito: Fifa.com

sábado, 15 de maio de 2010

GP de Monaco de F-1: conheça
o circuito de rua de Montecarlo

Circuito de Montecarlo
Traçado:
3.340m
Número de voltas: 78 (260,520 km)
Número de curvas: 16 (6 para a esquerda, 10 para a direita)
Velocidade máxima alcançada: 305 km/h
Recorde de volta mais rápida: Michael Schumacher (Ferrari) - 1min14s439 (2004)
Recorde de pole position: Fernando Alonso (Renault) - 1min13s962 (2006)
Pole em 2009: Jenson Button (Brawn GP) - 1min14s902
Pódio em 2009: 1º) Jenson Button (Brawn GP/ING); 2º) Rubens Barrichello (Brawn GP/BRA); 3º) Kimi Raikkonen(Ferrari/FIN)

Jukebox: The Boxer (Simon & Garfunkel)

Show inesquecível, música maravilhosa....

sexta-feira, 14 de maio de 2010

O atletismo encara sua inquisição

Coluna Diário Esportivo, publicada na edição de 14 de maio do Diário de S. Paulo

Em um primeiro momento, pode até parecer cruel a decisão do STJD da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) em banir definitivamente da modalidade os técnicos Jayme Netto e Inaldo Sena. Os dois foram excluídos em razão do turbulento caso de doping de cinco atletas da extinta equipe Rede, de Bragança Paulista, que explodiu às vésperas do Campeonato Mundial de Berlim, no ano passado. O episódio foi agravado pela confissão dos treinadores de que aplicaram conscientemente a substância dopante EPO (eritropoietina recombinante) nos atletas.

Para aumentar a dramaticidade da decisão anunciada pelo STJD, está o próprio currículo de Jayme Netto, responsável por formar a equipe do revezamento 4 x 100m rasos, medalha de prata nas Olimpíadas de Sydney, em 2000. Mas apesar do treinador apresentar uma longa folha de bons serviços prestados ao atletismo brasileiro, o banimento não pode ser encarado como uma espécie de inquisição esportiva.

Jayme Netto pode ser chamado de tudo, menos de ingênuo. Ao recomendar a aplicação das injeções de EPO em seus atletas, ela sabia que estava jogando sujo. Com isso, ajudou a fazer o atletismo nacional ter o ano mais vergonhoso de sua história.

Netto e Sena precisam agora reconstruir suas vidas. O atletismo é passado para eles. Deveriam seguir o exemplo da estrela americana Marion Jones, três medalhas de ouro olímpicas e que perdeu tudo por conta do doping. Amanhã, ela retorna ao esporte, aos 34 anos, só que jogando basquete na WNBA.

A coluna Diário Esportivo, assinada por este blogueiro, é publicada às sextas-feiras pelo Diário de S. Paulo

quinta-feira, 13 de maio de 2010

O baú das Copas (9)


Copa do Mundo do México - 1970

Período de disputa: 31/05 a 21/06/1970
Cidades-sede: Guadalajara, León, Cidade do México, Puebla e Toluca
Estádios utilizados: Estádio Azteca (Cidade do México), Estádio Cuahtemoc (Puebla), Estádio La Bombonera (Toluca), Estádio Jalisco (Guadalajara), Estádio Guanajuato (León)
Eliminatórias: 75 seleções inscritas, 70 seleções participantes
Países classificados: 14
Total de jogos: 32
Total de gols marcados: 95
Média de gols: 2,96 gols/jogo

1º gol da Copa: Dermendzhiev (Bulgária), aos 12min do jogo Peru 3 x 2 Bulgária
Último gol da Copa: Carlos Alberto Torres (Brasil), aos 87min do jogo Brasil 4 x 1 Itália

Artilheiro: Müller (Alemanha Ocidental) - 10 gols
Melhor ataque: Brasil - 19 gols
Pior ataque: El Salvador - 0 gol

Melhor defesa: URSS e Suécia - 2 gols
Pior defesa: Alemanha - 10 gols
Total de público: 1.674.000 pessoas
Média: 53.312 pessoas/jogo
Jogador mais jovem da Copa: Marco Antônio (Brasil) - 19 anos e 124 dias
Jogador mais velho da Copa: Jack Charlton - 37 anos e 196 dias


CLASSIFICAÇÃO FINAL:
  1. BRASIL
  2. Itália
  3. Alemanha Ocidental
  4. Uruguai
  5. URSS
  6. México
  7. Peru
  8. Inglaterra
  9. Suécia
  10. Romênia
  11. Bélgica
  12. Israel
  13. Bulgária
  14. Marrocos
  15. Tchecoslováquia
  16. El Salvador

Foto: Carlos Alberto Torres erguea Taça Jules Rimet, conquistada definitvamente pelo Brasil ao ganhar a Copa do Mundo do México
Crédito: Fifa.com

A prova que inteligência e futebol
nem sempre caminham juntos

“Estou me lixando para eles”
Goleiro Bruno, do Flamengo, comentando as vaias da torcida para sua atuação na derrota do Rubro-Negro para a Universidad de Chile por 3 a 2

“É triste que a gente veio aqui para ajudar após dez meses e escuta
vaias. (...) E hoje, não estou de cabeça quente, estou tranquilo, mas foi minha última partida pelo Cruzeiro. Estou encerrando minha carreira a partir de hoje”
Volante Fábio Santos, que depois de chorar em rede nacional de TV implorando por uma oportunidade de voltar a jogar futebol, fica irritadinho com as vaias da torcida do Cruzeiro e resolve dar um bico na carreira, prejudicando o clube na Libertadores

quarta-feira, 12 de maio de 2010

As dançarinas da NBA (29):
Brook, do Utah Jazz



Brook, de 21 anos, que adora praticar iatismo e ir ao cinema, é estudante e dá aulas de dança e que não tira os CDs de Mariah Carrey de seu CD player, integra há três temporadas o elenco das Jazz Dancers, as dançarinas do Utah Jazz.

Esta seção, que reúne as mais belas cheerleaders da NBA, é publicada às quartas-feiras

Messi mostra que é craque não
somente com a bola nos pés

“Neymar e Ganso não estão na lista? São coisas do Dunga”

Messi, melhor jogador do mundo e craque da Argentina, espantado com a lista de Dunga para a seleção brasileira que vai à Copa do Mundo da África do Sul. Espantado ou aliviado?

Jukebox: With Or Without You (U2)

Faltam 29 dias pra começar a Copa do Mundo. E antes de ficar tentado a cavar uma vaguinha no hospício mais próximo, decidi reativar a velha e boa Jukebox, para dar aquela relaxadinha básica antes da pauleira recomeçar no dia seguinte.

Na reestreia, uma homenagem à IIrlanda, que não não vai pra Copa da África do Sul. Mas por aqui vamos de U2...

terça-feira, 11 de maio de 2010

Os pré-convocados da
Argentina para a Copa-2010

Eis os 30 jogadores escolhidos pelo técnico Diego Maradona para formar a seleção da Argentina que irá disputar a Copa de 2010. Ausências: Gago, Cambiasso e Zanetti. Agora, com 30 jogadores disputando as 23 vagas, o bicho vai pegar nos treinos dos "hermanos".

Goleiros:
Sergio Romero (AZ Alkmaar - HOL)
Mariano Andújar (Catania - ITA)
Pablo Pozo (Colón)

Defensores:
Nicolás Otamendi (Vélez Sarsfield)
Martín Demichelis (Bayern Munich - ALE)
Walter Samuel (Inter - ITA)
Gabriel Heinze (Olympique de Marselha - FRA)
Nicolás Burdisso (Roma - ITA)
Fabricio Coloccini (Newcastle - ING)
Ariel Garcé (Colón)
Juan Manuel Insaurralde (Newell's Old Boys)
Clemente Rodríguez (Estudiantes)

Meio-campistas:
Jonás Gutiérrez (Newcastle - ING)
Javier Mascherano (Liverpool - ING)
Juan Sebastián Verón (Estudiantes)
Angel Di María (Benfica - POR)
Mario Bolatti (Fiorentina - ITA)
Jesús Dátolo (Olympiakos - GRE)
Maxi Rodríguez (Liverpool - ING)
Javier Pastore (Palermo - ITA)
José Sosa (Estudiantes)
Sebastián Blanco (Lanús)
Juan Mercier (Argentinos)
Atacantes:
Lionel Messi (Barcelona - ESP)
Gonzalo Higuaín (Real Madrid - ESP)
Carlos Tevez (Manchester City - ING)
Diego Milito (Inter - ITA)
Sergio Agüero (Atlético Madrid - ESP)
Ezequiel Lavezzi (Nápoli - ITA)
Martín Palermo (Boca Juniors)

Brasil na Copa 2010: Agora é com esta
turma aí. Salve-se quem puder!

Eis a relação dos 23 convocados da seleção brasileira para a disputa da Copa do Mundo da África do Sul, anunciada nesta terça-feira pelo técnico Dunga. Se vai funcionar, s[o no dia 11 de julho é que saberemos:

Goleiros
Júlio César (Inter de Milão - ITA)
Doni (Roma - ITA)
Gomes (Tottenham - ING)

Defensores
Maicon (Inter de Milão - ITA)
Daniel Alves (Barcelona - ESP)
Gilberto (Cruzeiro)
Michel Bastos (Lyon - FRA)
Lúcio (Inter de Milão - ITA)
Juan (Roma - ITA)
Luisão (Benfica - POR)

Thiago Silva (Milan - ITA)

Meio-campistas
Gilberto Silva (Panathinaikos - GRE)
Kléberson (Flamengo)
Josué (Wolfsburg - ALE)

Júlio Baptista (Roma - ITA)
Kaká (Real Madrid - ESP)
Elano (Galatasaray - TUR)
Ramires (Benfica - POR)

Felipe Melo (Juventus - ITA)

Atacantes
Luís Fabiano (Sevilla - ESP)
Robinho (Santos)
Nilmar (Villarreal - ESP)
Grafite (Wolfsburfg - ALE)

A relação dos pré-convocados
da Espanha para a Copa-2010

A lista da Espanha de pré-convocados para a Copa de 2010 foi anunciada nesta segunda-feira, pelo técnico Vicente Del Bosque. A relação incluí 30 nomes e dele sairá os 23 inscritos para o Mundial da África do Sul.

Os convocados da Espanha são os seguintes:


Goleiros: Iker Casillas Fernández (Real Madrid), David De Gea (Atlético de Madrid), Diego López (Villareal), José Manuel Reina (Liverpool-ING) e Víctor Valdés (Barcelona);

Defensores: Raúl Albiol (Real Madrid), Alvaro Arbeloa (Real Madrid), César Azpilicueta (Osasuña), Joan Capdevila (Villarreal), Carlos Marchena (Valencia), Gerard Piqué (Barcelona), Carles Puyol (Barcelona) e Sergio Ramos (Real Madrid);


Meio-campistas: Xabi Alonso (Real Madrid), Sergio Busquets (Barcelona), Cesc Fabregas (Arsenal-ING), Andrés Iniesta (Barcelona), Javier Martinez (Athletic Club), Marcos Senna (Villarreal), David Silva (Valencia) e Xavier Hernández (Barcelona);

Atacantes: Santiago Cazorla (Villarreal), Jesús Navas (Sevilla), Juan Manuel Mata (Valencia), Pedro Rodríguez (Barcelona), Dani Güiza (Fenerbahce-TUR), Fernando Llorente (Athletic Club), Alvaro Negredo (Sevilla), Fernando Torres (Liverpool-ING) e David Villa (Valencia).

O que você precisa saber sobre a convocação de hoje da seleção brasileira

Muita calma, caro(a) amigo(a). Você não lerá neste post divagações e apostas do blogueiro sobre quem estará, ou não, na lista do técnico Dunga, que será divulgada lá por volta das 13h (coincidentemente ainda a tempo de entrar ao vivo no Globo Esporte).

Mas em compensação, segue um breve roteiro dos passos que serão seguidos a partir do momento em que os nomes dos 23 jogadores ficarem conhecidos. Divulgação, aliás, que todas as seleções estarão fazendo, embora algumas já o tenham feito nesta última segunda-feira:


  1. Todas as 32 seleções terão que fornecer uma lista de até 30 jogadores até esta terça-feira, 11 de maio, às 19h (horário de Brasília, 0h CET - Hora Central Europeia)

  2. Esta lista será publicada pela Fifa nesta quinta-feita (13 de maio), às 7h (horário de Brasília, 12h CET)

  3. Os jogadores cujos nomes estarão nesta lista deverão estar liberados para suas respectivas seleções nacionais até 17 de maio

  4. A lista final de 23 jogadores das 32 seleções que disputarão a Copa do Mundo será fornecida até o dia 1º de junho, às 19h (horário de Brasília, 0h CET)

  5. Esta lista não poderá contar com nenhum jogador que não esteja na relação fornecida em 11 de maio

  6. Jogadores que sofrerem contusões graves poderão ser substituídos até 24 horas antes da estreia de sua seleção na Copa do Mundo

  7. Os substitutos destes jogadores contundidos não precisarão necessariamente estar na lista fornecida em 11 de maio

  8. A lista final das 32 seleções será publicada pela Fifa em seu site no dia 4 de junho às 7h (horário de Brasília, 12h CET)

  9. Não, Neymar não estará na lista de Dunga para a Copa. Pode acreditar.

segunda-feira, 10 de maio de 2010

A relação dos convocados de
Honduras para a Copa-2010

O técnico Reinaldo Rueda convocou nesta segunda-feira a lista dos 23 jogadores de Honduras que disputarão a Copa do Mundo da África do Sul. A seleção hondurenha integra o Grupo H, ao lado de Espanha, Suíça e Chile

Confira os convocados:

Goleiros

Noel Valladares (Olimpia)
Donis Escober (Olimpia)
Ricardo Canales (Motagua)

Defensores
Osman Chávez (Platense)
Maynor Figueroa (Wigan - ING)
Johnny Palacios (Olimpia)
Sergio Mendoza (Motagua)
Emilio Izaguirre (Motagua)
Mauricio Sabillón (Hangzhou Greentown - CHN)
Víctor Bernárdez (Anderlecht - BEL)
Bonieck García (Olimpia)

Meio-campistas
Hendry Thomas (Wigan - ING)
Wilson Palácios (Tottenham - ING)
Danilo Turcios (Olimpia)
Edgar Alvarez (Bari - ITA)
Amado Guevara (Motagua)
Ramón Núñez (Olimpia)
Julio César León (Torino - ITA)
Roger Espinoza (Kansas City Wizard - EUA)

Atacantes
David Suazo (Genoa - ITA)
Carlos Pavón (Deportivo España)
Walter Martínez (Marathón)
Georgie Welcome (Motagua)

Lista de suplentes
Erick Norales (Defensor - Marathón)
Carlo Costly (Atacante - Vaslui - ROM)
Johnny Leveron (Defensor - Motagua)
Kevin Hernández (Goleiro - Deportivo España)
Mariano Acevedo (Meia - Marathón)
Melvin Valladares (Atacante - Deportivo España)
Jerry Palácios (Atacante - Hangzhou Greentown - CHN)

Os pré-convocados do
Uruguai para a Copa-2010

O técnico Oscar Tabareez divulgou nesta segunda-feira a lista de 26 jogadores pré-convocados do Uruguai para a Copa do Mundo de 2010, na África do Sul. A lista final será anunciada no dia 1º de junho.

A relação dos 26 convocados é a seguinte:
Goleiros: Fernando Muslera (Lazio - ITA), Juan Castillo (Deportivo Cali - COL) e Martín Silva (Defensor Sporting).
Defensores: Martín Cáceres (Juventus - ITA), Mauricio Victorino (Universidad de Chile- CHI), Diego Lugano (Fenerbahce - TUR), Diego Godín (Villarreal - ESP), Andrés Scotti (Colo Colo - CHI) e Jorge Fucile (Porto - POR).

Meio-campistas: Alvaro Fernández (Universidad de Chile - CHI), Sebastián Eguren (Alk Stocolmo - SUE), Walter Gargano (Nápoles - ITA), Maximiliano Pereira (Porto - POR), Diego Pérez (Mônaco - FRA), Alvaro Pereira (Porto - POR), Egidio Arévalo Ríos (Peñarol), Jorge Rodríguez (River Plate), Ignacio González (Valencia - ESP), Nicolás Lodeiro (Ajax - HOL) e Alvaro González (Nacional).

Atacantes: Diego Forlán (Atlético Madrid - ESP), Sebastián Fernández (Banfield - ARG), Luis Suárez (Ajax - HOL), Sebastián Abreu (Botafogo - BRA), Edison Cavani (Palermo - ITA) e Jorge Martínez (Catania - ITA).

Copa Davis 2010: Brasil terá pedreira
para retornar ao Grupo Mundial

Do UOL Esportes - 10/5/10

ITF confirma cabeças de chave e Brasil encara um favorito na repescagem

Do UOL Esporte
Em São Paulo

A Federação Internacional de Tênis (ITF) anunciou na manhã desta segunda-feira em seu site oficial os cabeças de chave para o sorteio dos confrontos pela repescagem para o Grupo Mundial da Copa Davis, confirmando quem podem ser os possíveis adversários do Brasil.

Pelo novo ranking, a equipe brasileira ficou a duas posições de ser cabeça de chave, fechando na 18ª colocação a lista. Entre os não-favoritos, o Brasil aparece atrás apenas da Bélgica, 17ª colocada, que disputou o Grupo Mundial neste ano e acabou eliminada pela República Tcheca.

Os cabeças de chave anunciados que podem enfrentar o Brasil são: Estados Unidos (4), Israel (6), Alemanha (8), Suécia (9), Índia (13), Austrália (14), Suíça (15) e Equador (16).

Desta forma há apenas duas chances de a equipe brasileira disputar a repescagem em casa entre os dias 17 e 19 de setembro. Se enfrentar a Suíça, o Brasil será mandante do confronto por ter jogado em Genebra (SUI) no último duelo, em 1992. A outra alternativa seria enfrentar Israel e aguardar pelo sorteio da sede, já que o único confronto entre as equipes ocorreu em 1957 em território neutro.

O Brasil não tem chances de enfrentar Bélgica, Áustria, Itália, Romênia, Cazaquistão, África do Sul e Colômbia, que também não conseguiram aparecer entre os oito melhores no ranking e também enfrentam um cabeça de chave.
O sorteio dos confrontos da repescagem para o Grupo Mundial da Copa Davis ocorre nesta terça-feira, às 11h locais (6h de Brasília), na cidade de Londres, na Inglaterra. O Brasil tenta retornar à elite da principal competição por equipes do tênis após sete anos de ausência.

domingo, 9 de maio de 2010

sexta-feira, 7 de maio de 2010

Ufa! Cielo põe o dedo na ferida

Coluna Diário Esportivo, publicada na edição de 7 de maio do Diário de S. Paulo

Deveria constar de alguma cartilha para ídolos do esporte que não basta apenas fazer bem o seu trabalho, ganhar medalhas ou conquistar títulos. No meu mundo ideal, eles não poderiam se omitir em dar opiniões desagradáveis aos cartolas e nem se calar diante de decisões absurdas. Mas enquanto a maioria absoluta destas estrelas opta por manter uma postura alienada, eis que surge o nadador Cesar Cielo para dar uma chacoalhada neste quadro.

O campeão mundial e olímpico dos 50m livre sabe usar como poucos a força de suas conquistas para cutucar a estrutura da natação brasileira e também a CBDA (Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos). Logo depois de ganhar o ouro olímpico em Pequim-08, Cielo declarou em alto e bom som que a entidade que comanda a natação do Brasil pouco contribuiu para o seu sucesso.

Embora tivesse baixado o tom das críticas após brilhar no Mundial de Roma de 2009 quando ganhou os 50m e 100m livre , eis que Cielo voltou com carga total este ano. Contundente, bateu forte na decisão da CBDA em escolher a Unisanta para ser a sede do Troféu Maria Lenk. De forma correta e madura, Cielo diz não entender como se abre mão de um complexo aquático moderno como o Maria Lenk, que consumiu milhões de reais para receber as provas do Pan-2007, no Rio. “Algumas vezes, vejo que ainda estamos andando para trás”, disparou.

É somente com atitudes como esta de Cesar Cielo que a arcaica estrutura do esporte brasileiro irá mudar. Vida longa aos rebeldes com causa.

Foto: Satiro Sodré/CBDA

A coluna Diário Esportivo, assinada por este blogueiro, é publicada às sextas-feiras no Diário de S. Paulo

GP da Espanha de Fórmula 1:
conheça o circuito da Catalunya



Circuito da Catalunya
Traçado:
4.655m
Número de voltas: 66 (307,104 km)
Número de curvas: 16 (6 para a esquerda e 10 para a direita)
Velocidade máxima alcançada: 325 km/h
Recorde de volta mais rápida: Kimi Raikkonen (Ferrari) - 1min21s670 (2008)
Recorde de pole position: Felipe Massa (Ferrari) - 1min21s421 (2007)
Pole em 2009: Jenson Button (Brawn GP) - 1min20s527
Pódio em 2009: 1º) Jenson Button (Brawn GP/ING; 2º) Rubens Barrichello (Brawn GP/BRA); 3º) Mark Webber(Red Bull/AUT)

Ronaldo Fenômeno finalmente tem um choque de realidade no futebol brasileiro


“Tenho 33 anos, tenho oito operações no corpo e muitas dores. E tenho que ouvir esse tipo de pergunta sobre comprometimento. O povo está comigo. O corintiano está comigo”

Ronaldo Fenômeno, durante sua primeira entrevista coletiva após a eliminação do Corinthians para o Flamengo na Taça Libertadores 2010, quando pôde sentir na pele o grau de cobrança que virá pela frente após o fracaso do Timão na única competição que importava de fato ao clube no ano do centenário.

Foto: Globoesporte.com

quinta-feira, 6 de maio de 2010

Do blog do Alberto Murray Neto

Publicado no blog de Alberto Murray Neto - 6/5/10

Afonso Morais, especial para o Congresso em Foco

“Impertinência". "Demanda temerária". "Atitude maliciosa ou, no mínimo, ingênua". "Descabimento”. Foi assim, com essas expressões, que o desembargador Celso Ferreira, da 15ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, julgou o pedido de apelação do Comitê Olímpico Brasileiro (COB), presidido por Carlos Arthur Nuzman, no processo em que a entidade move contra os Supermercados Guanabara há quase dois anos e localizado por levantamento do Congresso em Foco.

A ação judicial pretendia vetar a veiculação da campanha publicitária “Olimpíadas Premiadas”, criada pela agência de comunicação Fullpack, contratada pela rede carioca, durante os Jogos O límpicos de Pequim, em 2008. O comercial tinha uma tocha como logomarca e apresentava os irmãos Diego e Danielle Hipólito – da seleção brasileira de ginástica olímpica – como protagonistas.

O processo (de número 0252357-87.2008.8.19.0001) demonstra com clareza o poder absoluto que Nuzman queria ter sobre os símbolos e palavras relacionadas com os Jogos Olímpicos e até onde ele pretendia estender o domínio sobre eles. Na ação, o COB questionou o uso da palavra “Olimpíadas” na propaganda e alegou que “a utilização de qualquer desses símbolos (neste caso, a tocha) depende de prévia e expressa autorização sua (do COB)”. A defesa do supermercado argumentou que “o termo ‘Olimpíada’ integra a história da humanidade há milênios” e não retirou o comercial do ar.

A entidade pedia também indenização ao supermercado no valor de R$ 25 mil. O comitê perdeu a ação em primeira instância. O COB foi condenado a pagar 10% sobre o valor da causa (R$ 2,5 mil corrigidos) referente às custas processuais e honorários advocatícios.

Em outubro de 2009, o relator da ação, Celso Ferreira, votou contra o recurso e foi acompanhado, por unanimidade, pelos magistrados. No mês seguinte, ratificou sua posição ao negar impedimento judicial apresentado pelo COB contestando a decisão anterior. Insatisfeito com o resultado, o comitê ainda tentou conseguir recurso especial para encaminhar o processo ao Superior Tribunal de Justiça, em Brasília, mas também foi indeferido.

Em março deste ano, o desembargador Antônio José Azevedo Pinto, terceiro vice-presidente do TJRJ, não admitiu o pleito alegando falta de razoabilidade por parte do COB e que “o exame das razões de recurso revela que o recorrente pretende, por via transversa, rever matéria de fato discutida na causa e decidida com base nas provas dos autos”. Ainda cabe um último recurso ao Comitê Olímpico Brasileiro. Enquanto recorria, Nuzman tratava também de obter no Congresso as modificações nas leis referentes à organização dos Jogo s Olímpicos, como noticiou com exclusividade o Congresso em Foco.

quarta-feira, 5 de maio de 2010

Tem que ser tão sofrido assim?


A decisão por pênaltis entre São Paulo e Universitario, do Peru, pela Taça Libertadores, nesta terça-feira, foi a primeira que meus filhos acompanharam ao vivo. E ao final, com a classificação do Tricolor para as quartas de final assegurada, minha filha me abraçou para festejar e, ainda ofegante pela comemoração, me perguntou: "Precisa ser sofrido assim pra ganhar, pai?"
Pois é, precisar, de fato, não precisa. Mas quem se der ao trabalho (ou tiver o azar) de acompanhar os jogos do São Paulo ao longo desta temporada (e das duas últimas pelo menos, é bom dizer), sabe que precisa se preparar para ver a chatice desfilar em campo. É incrível como o estilo de jogo são-paulino é óbvio e cheio de erros primários. Até um time ridículo e retranqueiro como este Universitario consegue complicar a vida do Tricolor.

Fico imaginando se nesta terça, ao invés do São Paulo, estivesse o Santos em campo. É quase certeza garantir que não haveria a necessidade de disputa de pênaltis para definir o classificado.

A única certeza que eu tenho é que se continuar com este futebol pobre, sem criatividade e tendo que contar com a sorte, a trajetória do São Paulo na Libertadores 2010 irá se encerrar na próxima fase. E eu terei que responder para a minha filha que o sofrimento dela vendo seu time de coração em campo irá se prolongar por mais tempo.

Foto: Site oficial do SPFC/Rubens Chiri

As dançarinas da NBA (28):
Lexi, do Toronto Raptors



Lexi, nascida em Pickering (Ontario), faz aniversário em 3 de agosto, é dançarina há 20 anos, formada com comunicações pela Wilfrid Laurier University, fã do filme "Dirty Dancing" e que tem como hobbies fotografia e corrida, integra pela segunda temporada o elenco das Dance Pak, as dançarinas do Toronto Raptors.

Esta seção, que reúne as mais belas cheerleaders da NBA, é publicada às quartas-feiras

terça-feira, 4 de maio de 2010

O baú das Copas (8)


Copa do Mundo da Inglaterra - 1966

Período de disputa: 11 a 30/07/1962
Cidades-sede: Birmingham, Liverpool, Londres, Manchester, Middlesbrough, Sheffield e Sunderland
Estádios utilizados: Wembley (Londres), White City (Londres), Hillsborough (Sheffield), Villa Park (Birmingham), Goodison Park (Liverpool), Old Trafford (Manchester), Ayresome Park (Middlesbrough), Roker Park (Sunderland)
Eliminatórias: 74 seleções inscritas, 53 seleções participantes
Países classificados: 14
Total de jogos: 32
Total de gols marcados: 89
Média de gols: 2,78 gols/jogo

1º gol da Copa: Pelé (Brasil), aos 14min do jogo Brasil 2 x 0 Bulgária
Último gol da Copa: Hurst (Inglaterra), aos 120min do jogo Inglaterra 4 x 2 Alemanha Ocidental

Artilheiro: Eusébio (Portugal) - 9 gols
Melhor ataque: Portugal - 17 gols
Pior ataque: Suíça, Bulgária e México - 1 gol

Melhor defesa: Argentina e Itália - 2 gols
Pior defesa: Suíça e Coreia do Norte - 9 gols
Total de público: 1.614.700 pessoas
Média: 50.459 pessoas/jogo
Jogador mais jovem da Copa: Edu (Brasil) - 16 anos e 338 dias
Jogador mais velho da Copa: Djalma Santos (Brasil) - 37 anos e 166 dias


CLASSIFICAÇÃO FINAL:

  1. Inglaterra
  2. Alemanha Ocidental
  3. Portugal
  4. URSS
  5. Argentina
  6. Hungria
  7. Uruguai
  8. Coreia do Norte
  9. Itália
  10. Espanha
  11. BRASIL
  12. México
  13. França
  14. Chile
  15. Bulgária
  16. Suíça

Foto: Bobby Moore é carregado pelos companheiros carregando a Taça Jules Rimet
Crédito: Fifa.com

Related Posts with Thumbnails